A província chinesa de Hubei, epicentro da epidemia de coronavírus, registrou 242 novas mortes pela doença, o que fez o número total de vítimas ultrapassar a marca de 1.350. O novo balanço das autoridades chinesas confirmou 14.840 novos casos de contágio na região, elevando o total de infectados para próximo dos 60 mil.

O crescimento acentuado ocorre depois de autoridades locais terem anunciado uma mudança na forma de diagnóstico dos casos de Covid-19nova nomenclatura da doença.

Em um comunicado, a comissão de saúde de Hubei disse que a partir de agora passaria a incluir casos diagnosticados clinicamente. Isso significa que imagens do pulmão em pacientes suspeitos passam a ser consideradas suficientes para confirmar o vírus, no lugar dos exames de DNA.

De acordo com a comissão, a mudança representa a antecipação do tratamento para pacientes e uma uniformização com os procedimentos de classificação usados em outras províncias. A entidade acrescentou que fez a mudança “na medida em que a compreensão sobre a doença se aprofundou, e a medida que acumulamos experiência no diagnóstico e tratamento”.

Resultado de imagem para mortes corona virus