Facção Criminosa pode estar envolvida no atentado a Bolsonaro

0

A facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC) pode estar envolvida na tentativa de homicídio contra Bolsonaro.

Fontes da Polícia Federal dizem que o relatório da investigação do atentado contra Bolsonaro faz menção a um eventual envolvimento do, acredite, PCC no crime.

Os policiais consideram a hipótese de a facção estar financiando a defesa de Adélio Bispo de Oliveira.

“Estamos trabalhando com todas as possibilidades”, disse um investigador que trabalha no caso à revista Crusoé.

Publicidade:

Haddad Lula sabia da existência do ‘Caixa 2’, afirma delatora da Lava Jato

0

A publicitária Mônica Moura afirmou em delação premiada à Força Tarefa da Lava Jato que o candidato à Presidência Fernando Haddad (PT), sabia do uso de caixa 2 na campanha à Prefeitura de São Paulo em 2012.

O depoimento integra o acordo de delação feito com o Ministério Público Federal. Com base nas informações foi aberto um inquérito ainda em andamento na Procuradoria da República em São Paulo.

Mônica Moura e João Santana, eram os marqueteiros do PT que fizeram as campanhas de Lula e Dilma. Eles também atuaram na campanha de Haddad à Prefeitura de São Paulo, em 2012.

Na delação, os marqueteiros apontaram que ao menos R$ 20 milhões entraram na campanha do petista em valores não declarados, sendo que R$ 15 milhões foram pagos pela Odebrecht.

Atualmente, eles cumprem prisão domiciliar em Salvador. O acordo foi homologado pelo Supremo Tribunal Federal em 2017. No anexo 7, constam as denúncias contra Haddad.

Veja abaixo a íntegra do depoimento da publicitária à PF

Publicidade:

Boletos vencidos a partir de R$ 100 podem ser pagos em qualquer banco

0

Os boletos com valor a partir de R$ 100, mesmo vencidos, poderão ser pagos em qualquer banco.

A medida faz parte da nova plataforma de cobrança da Federação Brasileira de Bancos (Febraban) que começou a ser implementada em julho do ano passado.

O serviço está funcionando desde o sábado, 13.

Publicidade:

Bolsonaro17 dispara e mantém liderança em nova pesquisa divulgada neste domingo, 14.

0

Bolsonaro tem 59% das intenções de voto; Haddad, 41%, diz BTG/FSB

Pesquisa BTG/FSB de intenção de votos para o segundo turno das eleições presidenciais de 2018 mostra o candidato do PSL, Jair Bolsonaro, na liderança, com 59%. Fernando Haddad, do PT, tem 41%. Os números correspondem ao cenário estimulado, no qual o nome dos candidatos é citado na hora do questionário.

Os votos válidos são calculados com base na soma de intenção de votos recebidas por todos os candidatos juntos, descontando-se os percentuais de “Branco”, “Nulo”, “Ninguém/Nenhum”, “Não Sabe” e “Não Respondeu”.

As entrevistas feitas pelo Instituto FSB Pesquisa, nos dias 13 e 14 de outubro de 2018, com 2.000 eleitores a partir de 16 anos, nas 27 Unidades da Federação (UFs). A margem de erro é de 2 pontos percentuais, com intervalo de confiança de 95%.

Publicidade:

Prefeitura de Porto do Mangue realiza grande festa em comemoração ao Dia das Crianças

0

Sob o tema mundo encantado do Walt Disney, a Prefeitura de Porto do Mangue realizou uma grandiosa festa em comemoração ao Dia das Crianças.

O evento foi promovido no Espaço Cultural José Nazareno – Centro, centenas de crianças acompanhadas de familiares marcaram presença.

A organização do evento disponibilizou estrutura de barracas com guloseimas para a criançada, diversos brinquedos, além da equipe da gestão do prefeito Sael Melo (PHS) estra caracterizada com os personagens do mundo encantado do parque temático do Walt Disney.

A festa foi bonita.

Publicidade:

Prefeitura vai realizar festa das crianças neste domingo

0

A Prefeitura de Porto do Mangue, realiza hoje,14, a festa das crianças em comemoração ao ‘Dia das Crianças’.

O evento acontecerá no Espaço Cultural José Nazareno (Centro), a partir das 17 horas.

A criançada, toda convidada.

Publicidade:

Revista Veja: Bolsonaro próximo de ser presidente; Missão de unificar o país.

0

Veja

Será isso mesmo? Com boa vantagem nas pesquisas, Bolsonaro está a um passo de virar presidente.

Jair Bolsonaro não ganhou só o primeiro turno das eleições em 7 de outubro. O ex-deputado, sem dinheiro e sem partido forte, conquistou um recorde de 49 milhões de votos (o anterior era da ex- presidente Dilma Rousseff, com 47,5 milhões), quebrou uma polarização eleitoral de 24 anos entre PT e PSDB e transformou sua diminuta legenda, o PSL, na segunda maior da Câmara dos Deputados — de oito cadeiras, saltou para 52 e deve crescer à sombra do oportunismo dos que não aguentam ficar longe do poder. Não há dúvida de que Bolsonaro é um fenômeno
político de uma magnitude que o Brasil não via desde Lula. O que ele fará com a notoriedade e a confiança que mereceu até agora de quase 50 milhões de brasileiros é que são elas.

Vi e não gostei

Pesquisa exclusiva: 45% dos brasileiros estão insatisfeitos com o resultado das eleições. A primeira pesquisa eleitoral feita depois do primeiro turno, encomendada por VEJA à consultoria Ideia Big Data, revelou que a maioria do eleitorado ficou insatisfeita com o resultado das urnas. O levantamento, realizado presencialmente com 2.036 eleitores, entre 8 e 10 de outubro, mostra que 44% estão “insatisfeitos” ou “muito insatisfeitos” com o resultado, contra 35% que se declaram “satisfeitos” ou “muito satisfeitos”. “Os descontentes são os eleitores nem- nem: não queriam nem Bolsonaro nem Haddad”, arma Mauricio Moura, sócio da Ideia Big Data e idealizador da pesquisa.

Os números não mentem 

O descontentamento se repete também na pouca disposição dos eleitores que não votaram nem em Bolsonaro nem em Haddad para seguir agora uma eventual orientação de voto dada por seu candidato de primeiro turno. Somente 25% dos entrevistados responderam ter a intenção de fazê-lo. A pesquisa também confirmou a liderança de Bolsonaro na disputa contra Haddad no segundo turno por 54% a 46% dos votos válidos — distância mais estreita que a mostrada na pesquisa do instituto Datafolha, realizada um dia depois, que aponta 58% a 42%.

Publicidade:

Podcasting