Opinião

Há quase 7 anos acontecia em Porto do Mangue 1º homicídio dentro de uma escola no RN

0

PORTO DO MANGUE – Foi em uma terça-feira, 21 de Maio de 2013, o 1º homicídio de um estudante dentro de um ambiente escolar (Escola Estadual Professora Josélia de Sousa Silva) registrado em solo potiguar e, o pior, foi na pacata cidade de Porto do Mangue.

O jovem, Josimar Arruda de Souza, de 20 anos, foi morto  quando assistia aula de Geografia. Ele cursava o 3º ano do ensino médio. Ele sofreu três facadas no pescoço dentro de uma sala de aula.

Outros atentados dentro de escolas também tomaram conta do país, vejamos:

2018- Aluno de 15 anos atira contra colegas em escola do Paraná;
2017- Garoto de 14 anos mata 2 e fere 4 em escola em Goiânia;
2012- Dois jovens atiram em 3 alunos em pátio de escola em João Pessoa;
2011- 12 mortos em massacre de Realengo – Dia 07 de abril;
2011- Menino de 10 anos atira contra professora em São Caetano;
2003- Ex-Aluno de 18 anos atira contra alunos em Taiúva;
2002- Aluno mata colega e fere outra em Salvador com uma arma.

É lamentável ver o Brasil vivenciar mais uma tragédia dentro de uma escola, como a de Suzano. A pergunta que não cala: Quem são os culpados? As ideologias implantadas ao longo dos anos? A falta de rédeas dos pais para com seus filhos? Ausência de controle da segurança pelo Estado?

Respondo – A culpa na verdade é de toda a sociedade (hipócrita) que a cada dia que passa se tornou má, odiosa. Os mesmos que hoje apontam o dedo para culpar, são os mesmos que não tem controle sobre seus filhos, são os mesmos que fazem/formam crianças a adolescentes pessoas libertinas e irresponsáveis. Ao surgir os ‘banidos mirins’, vemos que estes são apenas o reflexo dessa sociedade.

É preciso saber a origem da violência que arma cérebros….

Publicidade:

Deputado Dr. Bernardo diz que foi enganado sobre aumento do próprio salário

0

Em entrevista ao jornalista Bruno Barreto, na rádio FM 95 de Mossoró, no programa Meio-Dia Mossoró, o deputado estadual Dr. Bernardo Amorim (AVANTE) mostrou-se irritado com os colegas mais antigos da Assembleia Legislativa no episódio da aprovação das férias e 13º salário com retroativo aos anos de 2017 e 2018.

“Fomos enganados”, disparou.

Ele disse que não sabia que este projeto incluía o retroativo. “Não sou hipócrita. Como qualquer servidor o parlamentar pode receber 13º e terço de férias. O absurdo é ser retroativo. Se o STF tornou legal que eles tivessem resolvido isso imediatamente”, frisou.

Blog do Bruno Barreto

Pode um negócio desse…?

Publicidade:
BB

MDB se anima com a possível volta de Henrique Alves ao comando do partido no RN

0

O partido do Movimento Democrático Brasileiro em Mossoró ficou animado com a perspectiva do ex-deputado e ex-ministro Henrique Alves voltar a assumir a direção da legenda, no RN.

O presidente atual, ex-senador Garibaldi Filho torce para que isso aconteça rapidamente.

Em Porto do Mangue a sigla pode se fortalecer com novas filiações de peso com a próxima abertura da ”janela partidária”, onde políticos no exercício de mandatos podem mudar de partido sem correr risco de perder o mandato.

Publicidade:
RESP SOCIAL

Fátima Bezerra acredita no crescimento econômico do Governo Jair Bolsonaro

0

O secretário de Planejamento e Finanças, Aldemir Freire, “ainda que a economia crescesse 4% nos próximos quatro anos, se as despesas continuarem aumentando no mesmo patamar, o RN continuaria em crise.

Secretário de Planejamento e Finanças do RN, Aldemir Freire

O secretário de Planejamento e Finanças do Rio Grande do Norte, Aldemir Freire, trabalha com a possibilidade de crescimento econômico do País para todo o governo Bolsonaro, apesar de pertencer ao governo do PT, partido da governadora Fátima Bezerra.

“(…) Vemos um crescimento na ordem de 1,5 a 2% ao ano, período em que teremos um crescimento da receita”, afirmou o secretário para um grupo de empresários reunidos na Federação da Indústria na última semana, 22.

Mesmo assim, afirmou, “ainda que a economia crescesse 4% nos próximos quatro anos, se as despesas continuarem aumentando no mesmo patamar, o RN continuará em crise. Então o crescimento econômico é insuficiente para dar conta da crise”.

Para começar a resolver essa situação, o secretário disse que só há três saídas inegociáveis: reduzir as despesas para que elas caibam dentro das despesas; controlar o crescimento dessas despesas e, finalmente, incrementar as receitas.

Publicidade:

‘Todo feminismo acaba sendo um machismo de saia’, diz Papa em reunião no Vaticano

0

No segundo dia da reunião “A proteção de menores na Igreja”, que reúne 190 membros do alto clero no Vaticano, o Papa Francisco ouviu o discurso da professora de Direito Canônico, Linda Ghisoni, para em seguida falar sobre a presença dela no encontro, considerado um marco na história da Igreja.

— Convidar uma mulher a falar não é entrar no modo de um feminismo eclesiástico. Porque, no final, todo feminismo acaba sendo um machismo de saia — disse, acrescentando na sequência: — Não. Convidar uma mulher para falar sobre as feridas da Igreja é convidar a Igreja a falar sobre si mesma, sobre as feridas que tem. E isso eu acho que é o passo que devemos fazer com muita força: a mulher é a imagem da Igreja, uma esposa, uma mãe. Um estilo. Sem esse estilo, falaríamos do povo de Deus, mas como uma organização, talvez um sindicato, mas não como uma família parida pela mãe Igreja.

Antes das declarações do Papa, Linda Ghisoni havia feito sua palestra sobre “agir em conjunto”. Tratou da importância da escuta das vítimas e de se romper o silêncio em torno do assunto.

— Como podemos falar de proteção de menores na Igreja, sem considerar as vítimas e suas famílias, sem falar dos abusadores, dos cúmplices, dos negacionistas, dos acusados injustamente, dos negligentes, dos que desviaram os casos, dos que tentaram falar e agir mas foram calados? — questionou ela para responde rem seguida: — Ajoelhados: essa seria a postura adequada para tratar os assuntos destes dias.

O Papa disse que o discurso de Ghisoni era próprio de “uma mãe”, completou que a Igreja mesma “é uma mãe” e saltou para o tema da presença de mulheres instituição:

— Não se trata de dar mais funções à mulher na Igreja. Sim, isso é bom, mas isso não resolve o problema. Trata-se de integrar a mulher como uma figura da Igreja em nosso pensamento. E pensar assim também na Igreja com as perspectivas de uma mulher — conclui o Papa.

O pronunciamento ocorreu na tarde desta sexta-feira, segundo dia do encontro que reúne clérigos de todo o mundo no Vaticano para debater o tema do abuso de menores na Igreja, em meio à escalada de denúncias de casos em diversos países. A reunião, convocada de forma extraordinária pelo Papa Francisco, segue até domingo, entre palestras, falas do Papa e de sacerdotes, orações e grupos de trabalho — que incluem sobreviventes de abusos cometidos por padres.

Já no primeiro dia do encontro, nesta quinta-feira, um vídeo com cinco depoimentos de vítimas foi apresentado aos 190 clérigos. Em relatos emocionados, os sobreviventes contaram suas histórias e pediram que a Igreja tomasse medidas concretas para combater a pedofilia na instituição.

No segundo dia do encontro, o cardeal americano Seán Patrick O’Malley falou sobre a “terrível crise” que atingiu os Estados Unidos, segundo ele, por causa das “omissões” Boston, de onde O’Malley é arcebispo, foi palco de uma série de denúncias de abuso sexual, reveladas pelo jornal Boston Globe. A investigação dos repórteres deu origem ao filme Spotlight, que levou o Oscar de melhor filme em 2016.

— Não há nada mais urgente para a Igreja do que debater os abusos. Em nossa aldeia global, um fato que ocorre numa parte do mundo tem consequências para todos. Por isso devemos nos ajudar e nos apoiar uns aos outros para tornar a Igreja um lugar seguro para todos, especialmente para as crianças — disse O’Malley.

O Globo
Publicidade:

Bispo Jenilson Maia articula nova oposição, ex-prefeito Titico apoia iniciativa

0
(Centro) Jenilson Maia, dep. Kelps, ex-vereadora Mariazinha e o ex-prefeito Titico

Pelo visto foi dado o ponta é inicial a pré-campanha com fortes articulações políticas empreitadas pelo bispo Jenilson Maia (SD), na última semana o mesmo esteve com o uma comitiva integrada pelos ex-prefeito Titico; a ex-vereadora Mariazinha, mãe do atual vereador Jean Maia (SD) e do bispo, Luciano e Eliézio também estiveram presente.

A comitiva foi recepcionada pelo deputado estadual Kelps Lima (SD) e por Brenno Queiroga, que concorreu ao governo do RN na eleição de 2018.

Vamos lá, o grupo batizado de nova oposição é integrado por uma forte liderança, o ex-prefeito Titico. Em 2016, na corrida pelo Palácio José Nazareno (Sede da Prefeitura de Porto do Mangue); um dos nomes cogitados pelo prefeito Titico na época, foi o do bispo, que na mesma velocidade em que foi posto a prova, foi retirado para dar espaço a ex-prefeitável Frankleide Câmara.

Jenilson estava ocupando a pasta do Esporte, nela desenvolveu um trabalho que foi reconhecido pela comunidade desportista da cidade, líder de uma denominação evangélica na cidade, tem e vem demostrando capacidade de articulação.

Faltando mais de uma no para a eleição, até agora é o único nome que assumiu publicamente candidatura pela oposição ao governismo do atual prefeito Sael Melo.

Outras lideranças ainda não se manifestaram publicamente sobre a pré-candidatura de Jenilson, no entanto a mesma é como uma peça no tabuleiro político da cidade, a expectativa sempre é por saber qual será o próximo movimento do grupo que se aglutina.

Publicidade:

Sem proposta para resolver o problema do RN, Fátima Bezerra faz critica a Reforma da Previdência

0

A governadora Fátima Bezerra criticou a proposta da Reforma Política do governo federal, mas não apresentou uma proposta sequer para resolver o problema da previdência do RN.

Ela, inclusive, adotou uma postura de conhecedora dos assuntos previdenciários propondo mudanças no projeto federal, chegando, inclusive, a afirmar que o projeto vai piorar a vida dos pobres, ignorando a redução da alíquota para quem ganha um salário mínimo.

A governadora mostrou que sabe criticar, mas ela vai fazer o que para zerar o problema da previdência daqui?

Publicidade:

Só o PT é contrário à reforma da previdência, diz pesquisa

0

Uma pesquisa da FSB, realizada na semana passada, mostra que parlamentares de todos os partidos apoiam a reforma previdenciária.

Exceto os do PT, é claro.

Publicidade:

Resistência: Governadores do Nordeste não vão aceitar reforma que trate ‘desiguais como iguais’

0

Os governadores trataram de temas como a redistribuição dos recursos da cessão onerosa do pré-sal, reforma da Previdência e ações na área de segurança.

A cessão onerosa trata de um contrato firmado em 2010, em que o governo federal cedeu parte da área de exploração do pré-sal à Petrobras, que obteve o direito de explorar 5 bilhões de barris por dia. Com a descoberta de volume maior de petróleo na área, o governo irá vender o excedente. Os estados e municípios cobram a repartição da receita, conforme regra da Constituição Federal de partilha.

Em Brasilia, a governadora Fátima Bezerra participou do encontro dos governadores do Nordeste, no escritório de representação do Governo do Ceará, em Brasília.

“Sairemos daqui com um calendário: vamos dialogar com a Câmara, líderes da bancada, prefeitos e com a Frente Nacional dos Prefeitos. Reitero ainda que não vamos concordar com qualquer Reforma da Previdência que venha a tratar os desiguais como iguais”, declarou a governadora Fátima Bezerra (PT).

Os governadores do Nordeste assinaram a carta com as manifestações em comum para ser enviada ao Governo Federal.

O próximo fórum dos governadores será em março, no Maranhão.

Confira a Carta dos Governadores do Nordeste.

Carta dos Governadores do Nordeste

Publicidade:
RESP SOCIAL

Bp. Jenilson Maia é o primeiro pré-candidato a prefeito pela Oposição em Porto do Mangue

0
Bispo Jenilson Maia (SD) é o primeiro nome a se dispor a concorrer pela oposição a Prefeitura

PORTO DO MANGUE – Informações previas já dão conta da primeira pré-candidatura para prefeito em 2020. O nome que está sendo trabalhado por um dos blocos oposicionistas na cidade é o do Bispo evangélico, Jenilson Maia, filiado ao partido Solidariedade.

Jenilson, proveniente de família política na cidade, é um dos filhos da ex-vereadora Mariazinha Maia, ela que ocupou por 20 anos uma cadeira na Câmara Municipal e que presidiu o Poder Legislativo portomangense por 4 anos. Abdicou da reeleição em 2016 para dar espaço a um dos seus filhos, o atual vereador Jean Maia (SD).

Os ‘Maias’ em Porto do Mangue agora, partem para um projeto político mais audacioso, o de concorrer a cadeira de Prefeito.

Ainda são informações previas, o que se sabe é que além da candidatura do bispo, outras 3 estão sendo trabalhadas por outros blocos oposicionistas nos bastidores da política local.

Publicidade:
WhatsApp Grupo