Por dispor de expressiva potencialidade turística a ser desenvolvida, Porto do Mangue está em fase de elaboração do seu Inventário Turístico. A inciativa articulada pelo ex-secretário do Turismo, Flávio Felipe, atual secretário da Agricultura e Pesca, já está em andamento a elaboração do projeto.

O intuito foi identificar os principais atrativos, serviços e infraestrutura turística do município, e posteriormente, planejar de forma técnica o desenvolvimento do turismo na cidade, na perspectiva sustentável, integrado e inclusivo.

O inventário é fruto de uma parceria da Prefeitura Municipal, através da Secretaria do Turismo com a UERN – Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Curso de Turismo.

Participou do encontro na Câmara Municipal, o Presidente do Fórum Caminho das Águas Doces do Vale, Flávio Felipe, as Professoras da UERN, Rosa Maria, Raimunda Marques, Michele Souza, além do atual Secretário do Turismo, Francisco Bezerra.

A proposta de levantamento de informações turísticas e de interesse turístico para o município. Todo trade turístico, o patrimônio histórico, equipamentos turísticos, e atrativos estarão incluídos no documento final. Isso tudo vai dar subsídio para o município fazer os devidos investimentos a partir inventário.” ressaltou Rosa Maria.

“O inventário é o primeiro instrumento de gestão para o município, público e privado. Uma junção de informações dos potenciais e fragilidades e os atrativos naturais, que assim serão direcionando os
possíveis investimentos do poder público na infraestrutura e  serviços.” disse Raimunda.

“(…) a inventariação turística para o município é um documento técnico de alta relevância para os investidores. Somos pioneiros nesse sentido , Porto do Mangue é a primeira cidade da Costa Branca a ter esse inventário turístico.” afirmou Flávio Felipe.

Estamos recebendo o inventário, esse trará informações atualizadas de diversas área do município, esse é um presente para nós, fiquei feliz em saber que a equipe tem em seus quadros um jovem portomanguese, o universitário, amigo Kildery.” destacou o Francisco Bezerra.