O plenário da Câmara Municipal de Porto do Mangue aprovou, por unanimidade, nesta quarta-feira, 13, o Projeto de Lei do Executivo 001/2020, que reajusta em 12,84% o salário dos professores da rede municipal, em adequação ao Piso Nacional do Magistério.

Participaram da sessão os vereadores: Jean Maia, Jailson Fernandes (PL); Júnior Bola, Alciene Rodrigues, Helena Costa, Aclecio Santana, Joãozinho Brito (MDB) e o vereador-presidente, Juscelino Gregório (PT), o vereador Nivaldo Cristino justificou a ausência.

A aprovação ocorreu em sessão extraordinária, em caráter urgente urgentíssimo, o que dispensou a tramitação nas comissões permanentes, que emitiram pareceres sobre a matéria de forma oral, no momento da votação. A matéria foi enviado pela Prefeitura à Câmara Municipal na semana passada para votação, no entanto foi solicitado pelo secretário da Educação, Nilson Morais, que o PL fosse votado apenas na semana seguinte, pois ainda era necessário inserir outras informações.

Com aplicação do índice de 12,84%, com carga horária de 40 horas, de acordo com casses e níveis correspondente.

Acompanhou a votação, o secretário Municipal d Educação, Nilson Morais, a presidenta do SINDISEPOM, Eliana Monteiro e os professores Waldecio Queiroz e Carlos Augusto (também ex-vereador).

Pelo 4º ano, os professores de Porto do Mangue recebem da gestão do prefeito Sael Melo, o reajuste integral do Piso Nacional dos Professores. Apesar das baixas na economia e a crise financeira, o gestor mantém seu compromisso com a educação. É possível ressaltar que mais de 70% das prefeituras ainda não fizeram o implemento do piso 2020.

Waldecio, Eliana, Júnior Bola, Juscelino e Carlos Augusto