AREIA BRANCA – Uma comitiva de vereadores de Porto do Mangue, integrada pelo presidente da Câmara Municipal, Juscelino Gregório (PPS), Alciene Rodrigues (MDB), Carlos Augusto (PP), Jean Maia (SD), o advogado Dr. Brenno Paula, esteve presente em uma reunião realizada nesta quarta-feira, 4, no plenário da Câmara Municipal de Areia Branca, também o ex-vereador Carlinhos do Rosado e Idel Brando coordenador do IBGE.

Na ocasião, os vereadores questionaram sobre as delimitações entre os municípios de Porto do Mangue e Areia Branca.

A prefeita Iranide Rebouças (PSD), chegou minutos após. Sobre as demarcações, a prefeita disse que as duas cidades e seus cidadãos são irmãos. As questões pendentes estavam sendo resolvidas. A nova decisão judicial de 2019 corrigiu erros cometidos pela gestão anterior.

No entanto, a comitiva de Porto do Mangue, pretende realizar uma nova audiência para melhor esclarecer as decisões sobre a nova demarcação que limita territorialmente os municípios, convocando todos os órgãos de governo e dos municípios envolvidos para mais esclarecimentos sobre a nova decisão que deixou Porto do Mangue no prejuízo territorial.

A demarcação anterior impactou diretamente no senso, elevando a densidade demográfica de Porto do Mangue.

Com a correção, a cidade de Porto do Mangue passa a ter menos habitantes, assim como perde alguns quilômetros quadrados de terra.